Acesso ao site de pré-cadastro para vacinação de crianças em SP aumenta 11 vezes

O acesso ao site Vacina Já de São Paulo para o pré-cadastro de vacinação contra a covid-19 do público de 5 a 11 anos aumentou 11 vezes na quarta-feira, 12, após o cadastramento ser liberado, conforme informou o governo paulista. A página recebeu 303 mil acessos somente em um dia. A vacinação deve começar assim que os imunizantes chegarem. A previsão de entrega do Ministério da Saúde é nesta sexta-feira, 14.

Esse número de acessos da quarta-feira supera a média de procura do mês anterior em 1.039%. Em dezembro, foram 26.613 cliques diários. O governo paulista destaca que esse pré-cadastro é opcional e não funciona como agendamento. Porém, agiliza o atendimento nos locais de imunização, evitando filas e aglomerações. Os pais ou responsáveis devem acessar o link, clicar no botão “Crianças até 11 anos” e preencher o formulário online.

A expectativa do Estado é vacinar as 4,3 milhões de crianças com imunizante pediátrico no período de três semanas. A capacidade da vacinação infantil em São Paulo é de cerca de 250 mil crianças por dia. Há 5,2 mil locais de vacinação disponíveis, número que deverá ser ampliado com postos volantes em escolas da rede estadual.

A administração estadual disse aguardar o envio de imunizantes pediátricos da Pfizer por parte do Ministério da Saúde, para iniciar a vacinação. Nesta quinta-feira, 13, o Brasil recebeu a primeira remessa das injeções, um montante de 1,2 milhão de doses. A previsão da pasta é de entregar as doses para o Estado ainda na sexta, 14.

Abaixo, confira a lista de comorbidades consideradas para o atendimento prioritário na vacinação infantil em São Paulo. Elas podem ser comprovadas por exames, receitas, relatórios ou prescrições médicas:

– Insuficiência cardíaca

– Cor-pulmonale e hipertensão pulmonar

– Síndromes coronarianas

– Valvopatias

– Miocardiopatias e Pericardiopatias

– Doença da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas

– Arritmias cardíacas

– Cardiopatias congênitas

– Próteses valvares Dispositivos cardíacos implantados

– Talassemia

– Síndrome de Down

– Diabetes mellitus

– Pneumopatia crônicas graves

– Hipertensão arterial resistente e de artéria estágio 3

– Hipertensão estágios 1 e 2 com lesão e órgão alvo

– Doença cerebrovascular

– Imunossuprimidos (incluindo pacientes oncológicos)

– Anemia Falciforme

– Obesidade mórbida

– Cirrose hepática

– HIV

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *