Brasil tem menor média móvel de casos de Covid desde 8 de novembro de 2020

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O Brasil registrou 718 mortes por Covid e 16.371 casos, nseta sexta-feira (10). O país, assim, chegou à média móvel de 17.165 casos por dia, a menor desde 8 de novembro de 2020, quando era de 16.534.

Com os dados registrados, nesta sexta, o país soma 585.923 vidas perdidas e 20.974.623 pessoas infectadas desde o início da pandemia.
A média móvel de mortes agora é de 453 óbitos diários, redução de 34% em relação ao dado de duas semanas atrás.

Mesmo com números inferiores aos muito elevados dados anteriores, o momento merece atenção e cuidado. O país já tem circulação comunitária da mais transmissível variante delta, que vem causando aumentos expressivos de casos em outros países. A delta também já parece causar problemas no Rio de Janeiro, que vê aumentos de casos e internações.

Os dados do país, coletados até 20h, são fruto de colaboração entre Folha de S.Paulo, UOL, O Estado de S. Paulo, Extra, O Globo e G1 para reunir e divulgar os números relativos à pandemia do novo coronavírus. As informações são recolhidas pelo consórcio de veículos de imprensa diariamente com as Secretarias de Saúde estaduais.

Os dados da vacinação contra a Covid-19, também coletados pelo consórcio, foram atualizados em 25 estados e no Distrito Federal.
O Brasil registrou 2.267.354 doses de vacinas contra Covid-19, nesta sexta-feira. De acordo com dados das secretarias estaduais de Saúde, foram 743.157 primeiras doses e 1.473.711 segundas. Também foram registradas 2.579 doses únicas e 47.907 doses de reforço.
Ao todo, 137.488.532 pessoas receberam pelo menos a primeira dose de uma vacina contra a Covid no Brasil -67.756.058 delas já receberam a segunda dose do imunizante.

Somadas as doses únicas da vacina da Janssen contra a Covid, já são 71.901.248 pessoas com esquema vacinal completo no país.

Com isso, 87,38% da população com mais de 18 anos já recebeu ao menos uma dose (nesse caso, a 1ª dose de alguma vacina ou o imunizante de dose única) e 44,36% (também com mais de 18 anos) recebeu as duas doses recebidas ou a dose única da Janssen.
O Brasil chegou recentemente a 40% de adultos com esquema vacinal completo. Se for considerada toda a população brasileira, a porcentagem de pessoas com esquema vacinal completo alcançou 30% recentemente.

Mesmo quem completou o esquema vacinal com as duas doses deve manter cuidados básicos, como uso de máscara e distanciamento social, afirmam especialistas.

A iniciativa do consórcio de veículos de imprensa ocorreu em resposta às atitudes do governo Jair Bolsonaro (sem partido), que ameaçou sonegar dados, atrasou boletins sobre a doença e tirou informações do ar, com a interrupção da divulgação dos totais de casos e mortes. Além disso, o governo divulgou dados conflitantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *