Governo levou vacinação para todo o estado por meio de caravanas e operações

A Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), por meio do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS), ao longo do ano de 2021 buscou levar vacina ao braço de todos os acreanos. O programa de vacinação itinerante Operação Gota e as caravanas de vacinação levaram os imunizantes até o interior do Acre, com o objetivo de alcançar o maior número de pessoas possível.

De julho a dezembro, o DVS implantou 18 Núcleos de Assistência à Saúde do Trabalhador e Trabalhadora (NASTTs), realizou 38 caravanas de vacinação, alcançando nove municípios e 28 comunidades, por meio da Operação Gota.

“As ações realizadas pela unidade são importantes porque ajudam a melhorar a qualidade da assistência oferecida pelo municípios aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). Além disso, auxilia as cidades que têm dificuldade em realizar suas ações”, afirma a secretária de Estado de Saúde, Paula Mariano.

Um dos principais objetivos é levar imunizantes que combatem a Covid-19 e também a Influenza, mas outras vacinas de rotina, como BCG, febre amarela, tríplice viral, hepatite A, hepatite B, e outras, também são aplicadas.

De acordo com o gestor, as caravanas de vacinação surgiram após o monitoramento da cobertura das vacinas, com objetivo de ajudar a saúde dos municípios, complementando as ações afirmativas municipais. No segundo semestre de 2021, foram realizadas 38 caravanas, com mais de 45 mil doses aplicadas de diversas vacinas.

 “A Operação Gota é uma ação que visa atender as comunidades isoladas do Acre, áreas que, por conta da distância, são de difícil acesso. De julho a dezembro atendemos um total de nove municípios e 28 comunidades, onde aplicamos mais de cinco mil doses de vacinas”, destacou o chefe do DVS, Gabriel Mesquita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *