Professores na internet debatem sobre “História e Rede Pública de Ensino”

Em meio a tantos acontecimentos marcantes na História do Brasil e do mundo, como a pandemia, o conflito no Afeganistão e a inflação que assola o território nacional, por exemplo, repassar os fatos de maneira didática para que os mais jovens possam compreender o cenário e criar uma visão crítica é um desafio para os educadores que já enfrentam nas salas de aula outras barreiras como a deficiência na interpretação de leitura e dados.

Para o professor Matheus Buente, que leciona a disciplina de História para turmas do 6º ao 9º ano da rede pública de educação, o ensino da sua matéria enfrenta problemas parecidos com os de Língua Portuguesa. “Nossa deficiência na formação de leitores e escritores afeta diretamente a aprendizagem de hoje, uma vez que a leitura e interpretação são partes fundamentais do processo”, justifica o educador. Para ele, o ensino da História nas escolas deve dar mais atenção aos fatos locais, que geram identificação e valorizam a região em que o estudante vive. 

Em paralelo à atividade nas salas de aula, Matheus é comediante acostumado a contar piadas há sete anos nos palcos, mas há assuntos que ele não vê graça. “Creio que o maior desafio, enquanto professor, seja combater a naturalização do fascismo que ocorre hoje em dia. Muito provavelmente esse não será um desafio para a minha geração de historiadores mas, sim, para a próxima, que terá um distanciamento maior do momento histórico, o que costuma colaborar bastante para uma análise do ocorrido. Serão páginas tristes nos livros”, opina.

Essa abordagem é apenas um dos temas que serão debatidos pelo professor Matheus Buente no podcast Sala dos Professores, que terá como tema “História e Rede Pública de Ensino”. O bate-papo será transmitido ao vivo no YouTube, nessa segunda-feira (13), às 16h. Posteriormente o conteúdo é disponibilizado no Spotify

Organizado e apresentado pela professora de redação Carol Silveira, em parceria com o Educa Mais Brasil, o podcast foi criado para ser uma representação virtual da sala dos professores, local de diálogo entre os docentes e troca de experiência. De forma leve e descontraída, professores de todo o país interagem com os participantes que se apresentam na Sala dos Professores. 

“Por mais que a gente tenha questões em comum, como a precariedade e desvalorização, a gente tem indivíduos com trajetórias muito pessoais e únicas. Então, quanto mais a gente conhece outras realidades de professores no Brasil, mais a gente conhece sobre educação porque é o professor que faz essa educação acontecer, argumenta a professora Carol Silveira. 

Apresentado semanalmente, toda segunda-feira, agora em novo horário, às 16h, o podcast já contou com a participação de Alan Miranda, que é ator e diretor, falando sobre humor e educação; da professora Luísa Menezes, falando sobre a pressão estética que as professoras sofrem em sala de aula; do professor Daniel Pinheiro, que é especialista em formação de professores no âmbito tecnológico, falando sobre desafios nesse período de pandemia, de aula on-line; do psicólogo Davi Ferreira, abordando a saúde mental dos professores, dentre outros convidados. 

Agência Educa Mais Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *