The Masked Singer supera No Limite e garante liderança com folga para Globo

SÃO PAULO,SP (FOLHAPRESS) – A aposta da Globo em colocar celebridades para cantar em fantasias luxuosas enquanto outros famosos e o público tentam adivinhar quem são os cantores mascarados tem dado certo. Exibido nas noites de terça, o The Masked Singer Brasil registra 21 pontos de média de audiência na Grande São Paulo –cada ponto equivale a 76.577 domicílios.

O índice garante a liderança da emissora com folga no horário, superando os concorrentes Ilha Record (que marcou 7,1 pontos no dia 24) e Programa do Ratinho, no SBT (que registrou 6 pontos na mesma data).

Apresentado por Ivete Sangalo, a atração também já tem performance melhor que o No Limite, exibido anteriormente na mesma faixa da emissora –o reality teve em seus últimos programas, nos dias 6, 13 e 20 de julho, média de 15,9 pontos em São Paulo.

No Rio, a média do The Masked Singer é de 26 pontos –na região, cada ponto equivale a 49.809 lares.

O reality também tem gerado repercussão nas redes sociais, com os internautas tentando descobrir quem são os famosos por debaixo da máscara ou repercutindo os palpites dos jurados famosos: Rodrigo Lombardi, Tais Araújo, Simone Mendes e Eduardo Sterblitch.

No programa desta terça (31), o time ganha um reforço: o ex-BBB Gil do Vigor que, embora já esteja nos Estados Unidos, onde vai cursar doutorado, gravou a sua participação antes da viagem.

A atração desta noite começa com uma apresentação especial de Jacaré –eleito o melhor da noite no segundo programa e que já tem sua vaga garantida para a próxima etapa. Já os outros participantes continuam na disputa e os dois menos votados pela plateia, em cada combate, se enfrentam em um duelo final para decidirem quem será desmascarado.

Sidney Magal, Renata Ceribelli e Marcelinho Carioca foram as celebridades reveladas nos três primeiros programas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *