Vitória está há 1 ano no hospital após grave queimadura

Esqueça a Barbie, bicicleta ou qualquer outro presente tão comum entre os mais pedidos pelas crianças. No caso de Vitória Barros da Silva, de 11 anos, neste Dias das Crianças, ela resume seu pedido em uma única frase: “meu sonho é voltar pra casa, ter uma vida normal e poder voltar a brincar com as minhas amigas”. O ac24horas conta a história de Vitória e o motivo de um pedido tão simples ser o seu sonho.

Vitória, junto com a família, morava em uma colônia no Ramal Linha Nova na região de Sena Madureira. Em setembro do ano passado, ou seja, há mais de um ano, a mãe  de Vitória tinha ido até a escola entregar uma atividade de aula da filha. Vitória resolveu fazer um café. Acontece que o velho fogão tinha um problema de sair muito gás em uma das bocas. Foi a mesma boca que a criança escolheu para acender. Quando acendeu o fogo, o que era uma simples boca de fogão se tornou uma imensa labareda, fazendo com que Vitória sofresse queimaduras de 3º grau em boa parte do corpo.

A mãe conta que ao chegar em casa a filha gritava de dor. Para tentar amenizar ficou dentro de uma caixa d’água. O sofrimento durou horas. “Quando foram me avisar e eu cheguei em casa, encontrei minha filha dentro de uma caixa d’água para tentar aliviar a dor. O acidente aconteceu por volta de 9 da manhã e a ambulância do SAMU só conseguiu chegar na minha casa no ramal por volta das duas horas da tarde”, diz Edileuza da Silva.

A partir daí começa a vida da Vitória em hospitais. A família, mesmo sem condições, foi obrigada a alugar um pequeno apartamento na Vila Acre, já que foram informados  de que o tratamento seria demorado.

Atualmente, um ano e um mês depois do acidente, Vitória ainda vive muito mais nos hospitais. Já foram feitas mais de três cirurgias, entre elas, plásticas para que a pele queimada fosse restaurada.  No momento, Vitória se recupera da última plástica e precisa de ajuda para voltar para casa.

Próxima de pegar alta e cada vez mais perto de poder voltar a ter uma vida normal, a família passa por uma situação financeira difícil e pede ajuda para compra de alimentos e remédios, principalmente pomadas, que vão ser necessárias para usar na região lesionada por conta da queimadura.

Quem puder ajudar, pode entrar em contato com Edileuza, mãe da menina, pelo número (68) 99281-7581, e ajudar neste Dia das Crianças Vitória a ter condições de voltar para casa e cada vez mais poder retornar a sua rotina de brincar com as amigas, que, mesmo sendo algo tão simples, passou a ser seu maior sonho. Atualmente, Vitória encontra-se internada no Hospital da Criança.

ac24horas 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *